Quinta-feira, 15 de Fevereiro de 2007

Exploração excessiva dos Recursos Naturais

             Recursos Naturais 

 

Desde sempre, o Homem, tem vindo a precisar de retirar, da Natureza,  recursos indispensáveis à sua sobrevivência.

O avanço da ciência e da tecnologia, permitiu ao Homem ter uma qualidade de vida melhor.

Mas, com a intervenção Humana, temos vindo a assistir a profundas alterações do equilíbrio natural dos ecossistemas.

Com tudo isto, é necessário fazer uma gestão sustentavel dos recursos que a Natureza nos dá. Para conseguir essa gestão, temos de defender aquilo que ainda existe para garantirmos o direito a uma vida saudável e produtiva em harmonia com o meio ambiente.

 

 

 

O que são Recursos Naturais?

 

Um Recurso Natural é tudo o que existe na Natureza e serve para satisfazer as necessidades da Humanidade.

Tendo em conta a sua natureza, os recursos minerais podem-se classificar como:

Ø      Recursos Minerais

Ø      Recursos Biológicos

Ø      Recursos Hídricos

Ø      Recursos Energéticos.

Podem ainda dividir-se em Recursos Renováveis e Recursos Não Renováveis.

 

1. Recurso Natural é tudo aquilo que o Homem obtem da Natureza para satisfazer as suas necessidades.

 

 

 

Recursos Minerais

 

Os recursos minerais são concentrações de rochas e minerais que contituem a crusta terrestre.

Quando existe um interesse económico rentável para o Homem sobre estes recursos, designam-se jazidas minerais.

Os recursos minerais classificam-se em metálicos e não metálicos.

            É possível conseguir extraí-los da crusta terrestre através da actividade mineira.

           

2.Chumbo. Exemplo de um mineral metálico.

 

            Consequências da utilização dos Recursos Minerais

           

            A exploração mineira é a causadora de poluição ambiental, alterando profundamente a paisagem da região onde está inserida.

            A extração dos recursos minerais do subsolo deve ser feita em equilíbrio com a Natureza, de forma a salvaguardar o meio ambiente para as gerações futuras.

 

 

           

 

Recursos Biológicos

 

            Os recursos biológicos são um conjunto de materiais e energia que o Homem pode obter a partir de outros seres vivos.

           

           Estes são explorados na:

Ø      Agricultura

Ø      Caça

Ø      Pecuária

Ø      Pesca

Ø      Florestas (essencialmente para a frabicar papel).

3. Pecuária.

 

Consequências da utilização dos recursos biológicos

 

            Os recursos biológicos são considerados como inesgotáveis, pois é possível a sua renovação. Mas a sua sobreexploração (recolhem-se demasiados produtos de uma vez só), pode levar à sua exaustão.

            A perda da biodiversidade é a principal consequência da exploração dos recursos biológicos.

 

           

 

            Recursos Hídricos

 

            Os recursos hídricos constituem a quantidade de água superficial e subterrânea que está à disposição do Homem.

            A água doce do planeta é utilizada, com grande desperdício, no consumo doméstico, na agricultura e nas actividades industriais.

Cerca de 10% da água ultilizada no Mundo destina-se ao consumo doméstico.

4.Plantação de arroz, em que o campo deve ser intensamente irrigado.

 

            Consequências da utilização dos recursos hídricos

 

            A água, apesar de ser considerada como um recurso natural renovável, pode vir a ser considerado como um recurso limitado.

            Quanto maior for o consumo de água, maiores serão os riscos da qualidade da água diminuir.

           

         “A água é um património que é necessário proteger, tratar e defender como tal.”

 

 

 

            Recursos Energéticos

 

         Os recursos energéticos englobam uma grande variedade de fontes de energia que podem dividir-se em renováveis e não renováveis.

 

            Energias Renováveis

 

            As energias renovéveis são uma alternativa aos combustíveis fósseis, pois são uma fonte de energia inesgotável.

            Alguns exemplos dessa energia:

Ø      Hidroelétrica

Ø      Solar

Ø      Eólica

Ø      Geotérmica

Ø      Biomassa

Ø      Marés.

5. A energia solar é um exemplo de um recurso enegético.

 

 

Energias Não Renováveis

 

A descoberta dos combustíveis fósseis (carvão, petróleo e gás natural), alterou os padrões de vida das sociedades humanas.

Na Natureza, os combustíveis fósseis formam-se na ausência de oxigénio a partir da decomposição de restos orgânicos, sujeitos a elevadas pressão e temperaturas.

Os Combustíveis fósseis são a matéria-prima para uma série de materiais do nosso quatidiano.

6. O petróleo é um combustível fóssil e não renovável.

 

Consequências da utilização execiva dos combustíveis fósseis

 

Os combustíveis fósseis disponíveis não são como um recurso inesgotável. A velocidade de consumo destes recursos é vertigiosa, quando comparada com o tempo que leva a sua formação. Devido a isso, o crescimento exponencial da sua exploração e consumo leva, invarialmente, a situações bastantes graves.

Os cientistas prevêem o fim do petróleo e o gás natural para o ano 2100, enquanto que o carvão poderá durar ainda uns séculos.

Além disso, o impacte provocado pela utilização destes combustíveis na Natureza provoca situações muito preocupantes para o bem-estar da Vida na Terra.

 

Alice Rosmaninho  nº1

Sofia Naendralal  nº20

 

sinto-me:
publicado por EscolaJNJ às 11:34
link do post | comentar | ver comentários (61) | favorito
|

Introdução de espécies exóticas e Comércio Ilegal de Animais e Plantas

 

.............................

publicado por EscolaJNJ às 11:33
link do post | comentar | favorito
|

Desflorestação

DESFLORESTAÇÃO

 

Desflorestação, desflorestamento ou desmatamento é o processo de desaparecimento de massas florestais (bosques), fundamentalmente causada pela actividade humana.

A desflorestação é directamente causada pela acção do homem sobre a natureza, principalmente devido a abates realizados pela indústria madeireira, tal como para a obtenção de solo para cultivos agrícolas.

Nos países mais desenvolvidos, produzem-se outras agressões como a chuva ácida que comprometem a sobrevivência dos bosques, situação que se pretende controlar mediante a exigência de requisitos de qualidade para os combustíveis, como a limitação do conteúdo de enxofre.

Nos países menos desenvolvidos, as massas florestais são reduzidas ano após ano, enquanto que nos países industrializados acontece uma recuperação devido a pressões sociais, reconvertendo-se os bosques em atractivos turísticos e lugares de espairecimento.

Contudo, deve ter-se em conta que as plantações de reflorestação não substituem em nenhum caso o bosque, já que este é um ecossistema que leva décadas e em alguns casos séculos em formar-se, constituindo o bio-sistema óptimo de aproveitamento da luz solar. A reflorestação no melhor dos casos é um conjunto de árvores situadas segundo uma separação definida artificialmente, entre as quais surge uma vegetação herbácea ou arbustiva que não costuma dar-se no bosque. No pior dos casos, plantam-se árvores não autóctones que em certas ocasiões danificam o substrato, como ocorre em muitas plantações de pinheiro, abeto ou eucalipto.

Uma consequência da desflorestação é o desaparecimento de absorventes de dióxido de carbono, reduzindo-se a capacidade do meio em absorver as enormes quantidades deste causador do efeito estufa, e agravando o problema do aquecimento global.

Como medida de contenção, diversos organismos internacionais propõem a reflorestação, medida parcialmente aceita pelos movimentos ecologistas, ao entenderem estes que a repovoação deve considerar não só a eliminação do dióxido de carbono, mas também, a biodiversidade da zona a repovoar.

1. Desmatamento na Bolívia (área no canto superior esquerdo da imagem, ao longo de uma estrada).

 

 O desmatamento no Brasil

Há três importantes fatores responsáveis pelo desmatamento no Brasil: as madeireiras, a pecuária e o cultivo da soja. Como boa parte opera ilegalmente, principalmente na Amazônia, os estragos na floresta são cada vez maiores.

A Amazônia já está no seu limite de desmatamento. Se o processo de retirada de árvores de forma predatória persistir, em pouco tempo efeitos negativos começarão a ser sentidos pelo planeta, principalmente no que diz respeito ao clima.

No Brasil, os estados mais atingidos pelo desmatamento são Pará e Mato Grosso. Este último é o campeão em área desmatada, apesar de ter havido uma redução nos últimos anos.

A média de madeira movimentada na Amazônia - de acordo com um relatório divulgado pelo Governo Federal em agosto de 2006 - é de aproximadamente 40 milhões de m³, incluindo madeira serrada, carvão e lenha. Desse total, apenas 9 milhões de m³ vieram de manejo florestal (previamente autorizado).

O Brasil está se tornando em um dos maiores contribuintes para o aquecimento global do planeta. O crescente desmatamento - principalmente na Amazônia, que deixa a floresta cada vez mais seca e com menor capacidade de evaporação - ocasiona na redução das chuvas em várias regiões, afetando o clima do norte até o sul do país. Efeito semelhante já é percebido no Brasil com a retirada quase total da Mata Atlântica, que após ser dizimada afetou o microclima de várias regiões do país.

O cenário global do desmatamento se agravou muito nas últimas décadas. Além do Brasil, outros países do mundo continuam retirando área verde. A China e os EUA são alguns exemplos. Ambos utilizam termoelétricas a  carvão para a geração de energia elétrica.

A fazer uma desflorestação estamos a contribuir para que o futuro seja pior e sem árvores não temos oxigênio necessário para viver! Por isso lembrem-se ajudem a reflorestar as florestas queimadas devido aos incendios e não a destruam porque ela é vossa amiga.

2. Imagem de áreas desmatadas em Ariquemes, Rondônia.

Sofia Naendralal  nº20

Alice Rosmaninho nº1

sinto-me:
publicado por EscolaJNJ às 11:33
link do post | comentar | favorito
|

Terrorismo, Explosões e Guerras

  

 
TERRORISMO
 
São acções, como violência física ou psicológica, praticadas por grupos organizados contra governos ou classes dominantes, com consequências nefastas nas populações.
 
TIPOS DE TERRORISMO
Terrorismo indiscriminado ou aleatório: São todas as acções que se destinam a fazer um dano a um agente indefinido ou irrelevante, visando a propagação do medo geral na população, como por exemplo, a colocação de bombas em cafés, parques de estacionamento, metro.
Terrorismo Selectivo: visa atingir directamente um indivíduo, como forma de chantagem, vingança ou eliminação de um obstáculo, tais como a ETA (Espanha), Al Qaeda (Afganistão), IRA (Irlanda), entre outros, atacando por exemplo, ruas, Departamentos de Polícias, autocarros e Departamentos Governamentais.
 
 
 
 
EXEMPLOS DE ATAQUES TERRORISTAS
 
11 de Setembro de 2001 Ataque ao World Trade Center- Nova York- EUA
Os ataques liderados pelo terrorista Mohamed Atta causaram pânico em todo o planeta, quando a Torre Norte do World Trade Center foi atingida pelo avião 767 da companhia aérea American Airlines às 8:45 da manhã do dia 11 de Setembro de 2001. Pelas 9:03 da manhã outro avião, um 757 da United Airlines chocou com a Torre Sul atingindo do 78º andar ao 83º andar.
As autoridades afirmam agora que 2829 pessoas morreram no ataque ao World Trade Center, incluindo os passageiros dos aviões e 453 funcionários de segurança pública que atenderam à emergência. As vítimas eram de mais de 90 nacionalidades diferentes. Foram identificados os restos mortais de menos da metade das vítimas.
 
QUE ESTAS IMAGENS NUNCA MAIS SE TORNEM REALIDADE:
http://www.youtube.com/watch?v=U-fLf3lSXAY
11 de Março de 2004Ataque à Estação de Atocha – Madrid- Espanha
Na manhã de quinta-feira 11 de Março de 2004, 10 mochilas carregadas com TNT (Trinitrotolueno) explodiram em quatro comboios em quatro pontos diferentes da região de Madrid, Espanha.                    
As explosões ocorreram durante a hora de ponta, entre as 7:39 e as 7:42 da manhã nas estações madrilenas de Atocha (3 bombas), El Pozo del Tío Raimundo (2 bombas), Santa Eugenia (1 bomba) e num comboio a caminho de Atocha (4 bombas). As forças de segurança encontraram mais 3 bombas que estariam preparadas para explodir quando chegassem os primeiros socorros às vítimas.
Neste atentado terrorista, perpetrado por elementos da Al Qaeda, morreram 192 pessoas e mais de 1500 ficaram feridas.
 
 
EXPLOSÕES
Uma explosão é um processo caracterizado por súbito aumento de volume e grande liberação de energia, geralmente acompanhado por altas temperaturas e produção de gases. Uma explosão provoca ondas de pressão em redor do local onde ocorre.
EXEMPLO DE UMA EXPLOSÃO:
Na manhã de 6 de Agosto de 1945, a Força Aérea Americana largou a arma nuclearLittle Boy na cidade de Hiroshima (Japão), à qual se seguiu, três dias mais tarde, a detonação da bomba “Fat Man sobre  Nagasaki. As estimativas do número total de mortos variam entre 100.000 e 220.000, sendo algumas estimativas consideravelmente mais elevadas quando são contabilizadas as mortes posteriores devido à exposição à radiação. Mais de 90% dos indivíduos mortos eram civis.””
 
 
 
 
 
            
 
                                             “Cogumelo” atómico
 
GUERRA
 
A guerra é uma luta armada entre nações, ou entre partidos de uma mesma nacionalidade ou de etnias diferentes, com o fim de impor supremacia ou salvaguardar interesses materiais ou ideológicos.
TIPOS DE GUERRAS:
Guerra nuclear - foguetes de alcance mundial são utilizados para causar destruição total e irreversível no oponente.
Guerra biológica - envolve como táctica de guerra o uso de agentes biológicos nocivos (vírus, bactérias, doenças, etc).
Guerra química - envolve  utilização de artefactos químicos, como gases venenosos, venenos ou de efeito moral. Ex: Guerra do Irão e Iraque.
Guerra psicológica - a população (de qualquer das partes) é manipulada para conseguir obter o seu apoio. A manipulação pode ocorrer mediante a transmissão de informações falsas ou assistência médica, por exemplo.
Joana Teixeira e Inês Júlio, 8ºA
publicado por EscolaJNJ às 11:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Poluição dos Solos, Poluição Sonora e Poluição Radioactiva

Poluição dos Solos

A poluição do solo é definida como a adição ao solo, de materiais que podem modificar qualitativa e quantitativamente as suas características naturais e utilizações. A maioria dos resíduos sólidos provenientes de aglomerados urbanos (lixo, esgoto) e de actividades industriais e agrícolas, que ainda é depositada no solo sem qualquer controle e tratamento.

Eles contaminam facilmente solo e lençóis freáticos, além de produzirem gases tóxicos, que também provocam efeitos ambientais graves, como chuva ácida, efeito estufa, etc. Por exemplo, o metano produzido pela decomposição anaeróbica de lixo e esgoto pode se acumular em bolsas no solo, causando risco de explosão.

Fig. 1 - Aterro

Poluição Sonora

A poluição sonora é o efeito provocado pela difusão do som num tom demasiado alto, sendo o mesmo muito acima do tolerável pelos seres vivos, no meio ambiente. Dependendo da sua intensidade, causa danos irreversíveis nos seres humanos.

Exemplo de alguns ruídos simples do nosso dia-a-dia em decibéis (dB):

  • o ruído de uma sala de estar chega a 40dB;
  • um grupo de amigos a conversar em tom normal chega a 55dB;
  • o ruído de um escritório chega a quase 64dB;
  • o tráfego de uma avenida de grande movimento em obras com britadeiras até 120dB;

Fig. 2 - Os Aeroportos são também um dos   responsáveis pela Poluição Sonora

Poluição Radioactiva

 A radioactividade é um fenómeno natural ou artificial, pelo qual algumas substâncias ou elementos químicos, chamados radioactivos, são capazes de emitir radiações, as quais têm a propriedade de impressionar placas fotográficas, ionizar gases, produzir fluorescência, atravessar corpos opacos à luz ordinária, etc. As radiações emitidas pelas substâncias radioactivas são principalmente partículas alfa, partículas beta e raios gama. A radioactividade é uma forma de energia nuclear, usada em medicina (radioterapia).

A radioactividade pode ser:

  • Radioactividade natural: É a que se manifesta nos elementos radioactivos e nos isótopos que se encontram na natureza e polui o meio ambiente.
  • Radioactividade artificial ou induzida: É aquela que é provocada por transformações nucleares artificiais.

    Imagem:Dangclass7.pngFig. 3 - Simbolo da radioactividade

Trabalho realizado por:

  • Hugo Góis, nº 12
  • Soraia Verissimo, nº 22

publicado por EscolaJNJ às 11:31
link do post | comentar | favorito
|

Poluição da Água

 

Poluição da Água
Vista do espaço, a Terra parece o Planeta Água, pois esta cobre 75% da superfície terrestre, formando os oceanos, rios, lagos etc. No entanto a Terra corre o risco de não mais dispor de água limpa, o que em última análise significa que a grande máquina viva pode parar. Enfim, a água é componente vital no sistema de sustentação da vida na Terra e por isso deve ser preservada, mas nem sempre isso acontece. A sua poluição impede a sobrevivência dos seres, causando também graves consequências aos seres humanos.
Poluição das águas doces
 
A Poluição das águas doces é um tipo de poluição causado pelo lançamento de esgotoresidencial ou industrial não tratados em cursos de água(rios ou lagos) ou ainda pelo lançamento de fertilizantes agrícolas, em quantidade demasiada alta que o corpo da água não pode absorver naturalmente. A poluição altera as características da água enquanto a contaminação pode afectar a saúde do consumidor da água. Assim uma água pode estar poluída sem estar contaminada.
 
 
 
 
 
 
 Poluição de águas salgadas
 
As Marés Negras são o resultado de derrames de petróleo que ocorrem nos nossos oceanos. Os produtos petrolíferos têm efeito nefasto sobre toda a vida marinha e litoral onde actuam. As correntes marinhas facilitam a formação de marés negras, que se abatem sobre as praias e outras zonas costeiras.
Portugal, embora beneficie de uma "limpeza" pelas correntes oceânicas do Atlântico, é um país que tem um elevado risco de ocorrência de acidentes deste tipo. Todos os dias, cruzam a nossa zona exclusiva à volta de 70 navios, 12 deles petroleiros.
 
 
 
 
 
 
 
 http://www.rainhadapaz.g12.br/projetos/ciencias/ecologia/ecologia_poluicao/poluicao_aguas.htm
 
 
 
 
 
 
 
 
                                                  Trabalho elaborado por:
Daniel Fragoso, nº8
Soraia Monteiro, nº21
publicado por EscolaJNJ às 11:30
link do post | comentar | favorito
|

Poluição do Ar - Poluição Atmosférica

 

http://www.abae.pt/jra.artigos-06.php

publicado por EscolaJNJ às 11:29
link do post | comentar | favorito
|

Poluição- introdução

 A Poluição pode ser definida como a introdução no meio ambiente de qualquer matéria ou energia que venha a alterar as propriedades físicas ou químicas ou biológicas desse meio, afetando, ou podendo afetar, por isso, a "saúde" das espécies animais ou vegetais que dependem ou tenham contato com ele, ou que nele venham a provocar modificações físico-químicas nas espécies minerais presentes.

Divide-se em:

Poluição do ar

Poluição da água (doce e salgada)

Poluição....

.......

publicado por EscolaJNJ às 11:25
link do post | comentar | favorito
|

Inundações, Secas e Incêndios

Catástrofes Naturais de Origem Climática.....
publicado por EscolaJNJ às 11:24
link do post | comentar | favorito
|

Tempestades

De um modo geral, as tempestades são catástrofes naturais de origem climática e classificam-se em.......

 VEJAM:
http://www.cptec.inpe.br/enos/
http://www.cptec.inpe.br/enos/animacao.shtml

Os furacões
 
 
Os furacões formam-se nas águas do Oceano Atlântico. Os furacões formam-se sobre grandes áreas de água morna, acima dos 26°C.
Se se formam no oceano Pacífico Ocidental,  chamam-se tufões. Os tufões costumam ser mais fortes do que os furacões.
Se nascem no Oceano Índico chamam-se ciclones.
 O que é um furacão?
É uma tempestade gigante em forma de redemoinho, que se assemelha a um donut quando vista de cima, e que produz ventos muito fortes, temporais e chuvas torrenciais.
Há pequenos furacões e grandes furacões|
Um furacão de grau 1 estraga as culturas. 
Um de grau 5 traz ventos que podem ir até aos 280 km/h, arrastando objectos pesados pelo ar e causando a destruição completa por onde passa.
O ar morno que sobe do mar condensa-se conforme se vai elevando, libertando energia latente que forma um ciclone tropical., porque atraem mais energia conforme vão atravessando o Pacífico, que é maior do que o Oceano Atlântico.
E agora um excerto do filme "O DIA DEPOIS DE AMANHÃ"

publicado por EscolaJNJ às 11:23
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Outubro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Blog Action Day

. ...

. Dia 17 de Setembro, lá es...

. Concurso de Páginas&Blogs...

. Lago Tempanos - Patagónia...

. O Lago que está a desapar...

. LIVE EARTH!!!

. Fauna do Parque Natural d...

. Curiosidades...

. Trabalho realizado por: J...

.arquivos

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

.links

.Música

.Planeta Sustentável

.Meio Ambiente Urgente

.Combate ao Aquecimento Global

.Globo Terrestre


.Letras de Músicas


.Contador de Visitas

Web Counter

.Relógio


blogs SAPO

.subscrever feeds